terça-feira, 4 de junho de 2013

NOVO BLOG NO AR!



Gente!!! O blog está de cara nova!!!! Todos os posts agora serão por lá!


www.runningmammy.com.br

E hoje já tem post novo no ar!!! Gente como a gente!!!!

Beijos!!!

segunda-feira, 27 de maio de 2013

GENTE COMO A GENTE "BRASILEIRA SAUDÁVEL"



Essa é a @brasileira saudavel e sua filha dentro da saia que ela usava quando iniciou a RA

Esse gente como a gente pra mim, é muito especial. Eu conheci a @brasileirasaudavel pelo Ig, ela me acompanha desde que eu tinha umas 300 seguidoras. Ela sempre foi daquelas seguidoras participativas, sabe? Que comenta tudo, que curte, acabamos ficando "amigas de Instagram". Eu me lembro que no início, eu me perguntava: "Mas por que será que ela só posta fotos de comidas, das refeições, do amanhecer em Fortaleza (cidade que mora no meu coração!) e não posta dela?". 

Um dia, qual não foi a minha surpresa, ao abrir minha caixa de entrada e me deparar com um email, de um nome desconhecido, com o seguinte título: Você merece me conhecer. E veio com uma carta linda, a explicação do porquê não mostrar o rosto e uma foto dela. No depoimento dela ela explica porque ainda não quer mostrar o rosto. Mas acreditem em mim, ela existe (kkkkk) e é linda!!!! E quando ela me disse que eu poderia publicar a história dela antes dela mesma se mostrar no insta dela, fiquei feliz demais.

Essa não é uma história de estética. É uma história de busca pela saúde, de uma das pessoas mais disciplinadas e determinadas que conheci aqui, além de ser super atenciosa e querida.

O percentual de gordura inicial dela era de 59,49%. Já se foram 19,5kg. Ela não pode correr, só pode caminhar e fazer pilates. E está conseguindo. A prova disso, é que ela passou, aliás, está passando por um problema de saúde com a mãe, que poderia desestabilizá-la totalmente, mas não foi isso que aconteceu. Por isso que eu digo que o Instagram é uma arma poderosa de motivação de pessoas. Às vezes, ali, encontramos o que as pessoas "reais" e próximas a nós não nos dão.

"Por incrivel que pareça este era o meu presente para a Sexta-feira que o meu Instagram sumiu. Adiamos um pouco pelo acontecido.

Quando criança não era muito gordinha, mas lembro de uma foto do meu aniversario de 11 anos (já era gordinha antes) bem Balofa... kkkkkk. Esta me marcou muito, pois era começo de adolescência e um momento que a gordura começa a afetar nossas vidas. Desde então venho brigando com a balança.

Fui sanfona por muito tempo. Emagrecia e relaxava. Quando resolvia emagrecer fechava a boca e malhava como se não houvesse amanhã. Nunca corri, por que não conseguia, mas era o meu sonho. Acabou que há uns 4 anos atras comecei a sentir fortes dores na coluna que irradiava para a perna. Demorou para ser diagnosticado. Muito desgaste e hérnias na lombar. Sofri muito. Tomei muito corticoide, chorei muito e fiquei muito tempo de cama (tudo muito rssss.....) afogando as mágoas na comida. Ficava muito abalada (depressiva) em não poder passar 5 minutos sentada, não achar uma posição para dormir. Fui em um médico que me indicou cirurgia. Corri de lá. Colocar pino, prótese etc. Outro médico me deu outra opção. Fiz duas rizotomias e minha vida melhorou muito.

Hoje minha hérnias diminuíram, mas o desgaste das vertebras  é bastante. Ano passado cheguei a pesar 92kg. O auge do auge. Tinha até pensado  em desistir de lutar contra a balança. Toda segunda tentava iniciar uma dieta, mas era em vão. Não durava nada. Como não podia treinar pesado, me desanimava muito. Por isso que, quando vejo pessoas correndo acima do peso ou passando o dia na academia, tenho vontade de contar o meu sofrimento e lembrar que existe amanhã. Temos que cuidar muito das nossas articulações. A nossa morada vale ouro e só temos uma. Vale refletir!

Sempre gostei muito de academia e de esportes de modo geral. Já mergulhei e fiz wind. O wind fiz menos tempo, pois o joelho e a coluna doeram um pouco. O mergulho amava. Fiz até curso de mergulho noturno, mas para mergulhar em Fortaleza é tudo tão dificil que faz muito tempo que não pratico.

Queria muito emagrecer. Os exercicios sempre me ajudavam muito, pois fazia a interligação entre exercicios e dieta. O grande problema é que eu colocava na cabeça que apenas musculação, treinamento funcional ou corrida emagrecia. Como não podia, também não levava a sério a dieta.
Fui na nutricionista @anacristinawolf em novembro , mas não consegui seguir. Somente criei vergonha na cara no dia 01/01/2013. Tive a ajuda de uma amiga que é coach. Fiz algumas sessões que me incentivaram bastante. Ela me fez entender as minhas limitações e ver com outros olhos a caminhada e o pilates, além de me encorajar a lutar pelos meus sonhos.

Comecei a caminhar e resolvi andar de bicicleta. A coluna não aguentou. As dores voltaram e resolvi iniciar o Pilates no dia 16/01 e uma semana depois comecei a caminhar.Nunca imaginei que a caminhada e o pilates pudessem me ajudar tanto. Achava que apenas se corresse e fizesse musculação/treinamento funcional teria resultados.  Comecei a seguir você (@blogdadebs), @gabrielapugliesi, @carolbuffara e @blogdamimis,  e me incentivei mais ainda. Resolvi não quebrar e nem ter direito a refeição lixo. Criei o meu IG escondida e até hoje, quase ninguém do meu ciclo de amizade sabe da existência. A partir desses IG conhecí vários outros que me incentivaram e continuam me incentivando. O seu é um dos que mais amo (você participa da minha vida) !!!!!

 O IG começou como um modo de me ajudar nesta nova vida. E como ajudou! Cada curtida, cada pessoas nova que veio me seguir, cada comentário fizeram a diferença. Você sabe o quanto é gratificante escutar uma pessoa que você nem conhece falar que você mudou a vida dela. É sensacional! Uma coisa muito importante que aprendi depois de 36 anos (para alguns pode ser besteira, mas para mim fez toda a diferença) é que não devemos fazer dieta, mas mudar o estilo de vida. Fazer reeducação alimentar para o resto da vida. Eu sempre que emagrecia voltava a comer de tudo, relaxava nos exercícios e voltava a engordar. Sem falar nas sibrutaminas e outros remédios para emagrecer que nem lembro mais. Uma pessoa me disse que desta vez foi a vez que me achou mais saudável. Nas outras vezes me achava com cara de doente.

A satisfação de conseguir achar uma roupa que caiba em mim é fora do comum. Quem nunca saiu para comprar uma roupa e voltou para casa sem nada? Tudo ficava feio e não cabia. As ultimas roupas que tinha comprado eram tamanho 18 ou 16 (EUA). Somente tenho este parâmetro pela numeração americana, pois era muito dificil encontrar roupa por aqui que coubesse. Ontem (25/05) uma amiga chegou dos EUA e trouxe um vestido tamanho 10 para mim. Vesti e ficou lindo! Vocês precisavam ver a minha cara de alegria.

Não vou dizer que foi fácil, mas não foi impossível. Resolvi mostrar a minha evolução para que as pessoas se incentivem ainda mais.

Porque você não mostra o rosto @brasileirasaudavel ? Ainda não estou preparada. Podia ate ser que eu mostrasse o rosto e não tivesse mais coragem de postar estas fotos que vocês estão vendo. Tenho outras de 1 mês e ½ depois que comecei a fazer a dieta. Ainda não tive coragem de mostrar. Sou timida! Ademais, aconteceu um fato que me marcou muito quando tinha mais ou menos 2 meses de RA e pouco tempo de IG. A minha nutri é muito cheia. Tinha uma prima que queria muito uma consulta e não consegui. Ela não mora em Fortaleza e veio me visitar. Consegui que uma ex-nutricionista a visse. Na consulta, eu muito satisfeita porque tinha emagrecido. Estava pensando em apresentar meu IG  quando ela disse: a fulana (EU) tem muita facilidade de emagrecer, mas acaba engordando de novo. Ela disse uma realidade. Nunca escondi de ninguém que sempre fui sanfona. Ela não disse com maldade, mas eu não gostei de ouvir. Foi dificil. Prefiro continuar no anonimato. Não sei por quanto tempo, pois sei que já estou com um pouco de vontade de mostrar meu rosto, como muitas já fizeram. Isso não quer dizer que não possa conhecer quem vinher na minha cidade ou quem mora em Fortaleza. Adoraria ter uma companheira para caminhar na madrugada. Já conheço algumas pessoas pessoalmente.

Precisamos ter em mente que passamos muitos anos comendo errado e sem fazer exercícios. Não podemos querer que do dia para a noite as gorduras saiam e cheguem músculos. No meu caso judiei demais com o meu corpo. Muita gordura localizada e muita celulite. Não adianta querer que por um milagre apareça a barriga da Debs e as pernas da Sabrina Sato. A barriga da para dar uma melhorada grande, mas as pernas (apesar da melhora ter sido fora do comum) tenho minhas duvidas kkkkkkkk.... Precisava de muita musculação e estou proibida de malhar pesado (no fundo tenho uma esperança de poder um dia, mesmo sabendo que as condições dizem o contrário). Por isso que penso naquelas pessoas que não possuem nenhuma limitação e podem usufruir (com precaução) desta gama de exercícios que muito ajudam na busca daquele tão sonhado corpo. 

Ademais, o que é preciso ter em mente que não é apenas um corpo bonito que se procura, mas a saúde em primeiro lugar. Vamos diminuir as comidas gordurosas e com açucar. Sei que é muito dificil, mas com o tempo, além de procurarmos diet e light, começaremos a procurar qualidade. Tem muito lixo light e diet, mas acho que o fato de tirar o açucar e a gordura já é muito bom. Não adianta sair criticando quem come X ou Y na sua Reeducação alimentar. Cada um faz como pode e quer. É muito triste criticas. Queremos criticas construtivas. Não vai ajudar, evita fazer comentarios desnecessários.
Não é brincadeira como a má alimentação ou o sedentarismo tem feito estrago na vida das pessoas. Antes da cirurgia da minha mãe, foram 4 fígados de pessoas jovens descartados. Tenho mais duas pessoas da minha família (um de 19 e uma de 30) que precisam se cuidar. Pior que santo de casa não faz milagre... Um dia eu consigo. 

Ja foram 19,5kg eliminados. Minha nutri esta muito orgulhosa. Ela disse que fui a mais disciplinada paciente que ela já teve (os outros não precisam ficar com inveja). Ademais, fiquei passada com a afirmação de que apesar do meu peso ser 90kg (quando comecei), a porcentagem de gordura era muito alta, ou seja, 59,49 %. Com estes dados, ela disse eu poderia ter feito redução de estômago, pois estava além da morbidade. A ultima avaliação nutricional que fiz foi no dia 22/04/2013. Estava pesando 75kg. Tinha eliminado 28,54kg de gordura e tinha ganho 15,45 kg de massa magra. Em todas as avaliações a perda foi proporcional. Olhem que tenho 36 anos, logo não adianta ficar reclamando que passou dos 30. É possivel emagrecer, também depois dos 40, pois tenho um exemplo em casa de uma pessoa que também esta conseguindo emagrecer.

Assim, espero que muitas outras pessoas acreditem no seu potencial e mudem o estilo de vida. Tudo é possível. Basta determinação, foco e disciplina. Lembrem-se sempre que o amanhã dependo do seu hoje. Você colhe o que planta.

Obrigado a todos pelo voto de confiança e espero que mais e mais pessoas se incentivem e continuem me incentivando. O IG faz a diferença na minha vida. Sou muito grata por cada seguidor, cada curtida, cada nova amizade, cada mensagem linda que recebo  e principalmente por saber que de algum modo tenho ajudado muitas pessoas. 

Beijos,
@brasileirasaudavel"



Foto tirada semana passada

Foto tirada semana passada

Foto tirada semana passada


quarta-feira, 22 de maio de 2013

10 DICAS PRA QUEM ESTÁ COMEÇANDO A CORRER




1 - Invista num bom par de tênis. Esse é um dos poucos grandes investimentos que você PRECISA fazer para poder correr. Algumas lojas tem testes de pisada para você saber qual o melhor tipo de tênis pra você. As que eu gosto: Fast Runner e a loja da Asics da Oscar Freire. Além disso, você pode fazer um teste mais completo de avaliação de pisada e postural com um fisioterapeuta ( que tb fiz, depois de algumas lesões. Precisei usar uma palmilha e isso só um fisio pode fazer por você)

2- Estão vendo essa foto minha? rs É beeem das antigas, quando ainda era lindo usar piercing no umbigo ahahahahaaha. Essa é pras meninas: gente, esse top que estou na foto NÃO SERVE PRA CORRER! Olha só (demorei pra aprender): corrida não é desfile de moda. Até o jeito que eu corria, parecia que estava desfilando! rs Olha a mão! haahahaha O top tem que ser reforçado, porque por mais devagar que você corra, tem um impacto, tem a gravidade. E pras meninas que tem silicone ou que estão grávidas ou amamentando e correndo, esse reforço do top é imprescindível!

3- No começo, não se preocupe com tempo. Quem se preocupa com tempo são pessoas que já correm há mais tempo. Claaaro que vc quer melhorar? Óbvio! Mas não precisa querer fazer isso no primeiro mês de treinamento,ok? Comece DEVAGAR! Construa seu cardio primeiro para a corrida e depois se preocupe em bater seus recordes pessoais!

4- Pode começar sozinho? Pode. Mas, quando você já estiver correndo/trotando 30/40 minutos, procure um educador físico. Eles estudaram pra isso! As assessorias são ótimas? São! Mas se você não tem grana para a assessoria e para a academia, peça a um professor da academia que você faz, que elabore uma planilha de treino pra você!

5- Não tenha "vergonha" de caminhar. Pra você construir o seu cardio pra corrida , a não ser que vc seja um queniano nato, provavelmente você terá que intercalar trote com caminhada.

6- Não foque só na corrida. Não estou dizendo pra vc ser um triatleta, mas o corpo precisa de estímulos diferentes. Eu sempre intercalo a bike com a corrida. É um outro tipo de exercício, ajuda no cardio e fortalece os músculos. Mas vc pode nadar, surfar, andar de skate. O importante é não colocar toda a vida na corrida. Um dia seu corpo vai cobrar o preço por isso. E falo de cadeira!

7- Use sempreeeeeeee vaselina! Esse é um item barato e que não pode faltar no seu pequeno asenal. Sempre vejo gente assada na faixa do top ou na costura do short!

8- Use um monitor cardíaco, pelo menos no começo. Você precisa ter uma noção de quanto esforço  está fazendo e em que zona de treinamento  está. Se você quer emagrecer é uma coisa, se que melhorar o cardio é outra completamente diferente!

9- Tenha metas a curto prazo. Não adianta você começar a correr pensando assim: "daqui a 2 meses vou fazer 21km!". Assim como no processo da RA, as metas tem que ser alcançáveis, senão você desiste na primeira dificuldade. E sabe o que é legal? Faz um "diário" das corridas. Tem um app super legal que dá pra colocar todas as info dos treinos e depois ele te mostra tudo! É o que o Garmin Training Center faz. Mas se vc está começando, use esse app que funciona pra ver a evolução! O app é o Running Log e é gratuito na App Store.

10- DESCANSO TAMBÉM É TREINO! E eu posso falar isso com propriedade. Quando comecei a correr, parecia a "maníaca das corridas". Ficava procurando provas pra correr todo domingo, corria todo santo dia, achava o máximo aquilo. Mas algumas lesões e puxões de orelha que tomei, serviram pra me mostrar que você pode amar corrida ( ou qq outro esporte) mas seu corpo precisa do day off! Vá curtir a família, os amigos, ficar deitado no sofá vendo tv, mas dê esse dia pro seu corpo. Ele precisa. Senão depois, ele cobra! Believe me!

E por fim, uma frase que pus ontem aqui, que ouvi da Carla Moreno e que vou levar pra minha vida: "O que você quiser na vida, você faz. basta treinar pra isso". Então, sim, você é capaz de correr 5km, 10km, 21km, 42km, ultramaratonas, ironman . Basta você querer, treinar e GOSTAR do que está fazendo! E tudo com muita paciência! Esse é o segredo!

segunda-feira, 20 de maio de 2013

GENTE COMO A GENTE ATHENA MELO








Gente, é sério! Cada vez mais eu me impressiono com os antes e depois que chegam às minhas mãos! A Athena já era linda, mas ooooooooooooooolha a tranformação dessa menina! Não é só de aparência não... De hábitos de vida! gente como nós, que trabalha, que estuda, mas que achou a inspiração: ELA MESMA! Como ela diz no depoimento: "a cara de trakinas". Rs. Mas que ela ficou a cara da Rhyyyyyyqueza, isso ficou! kkkkkkkkkkkkkk


"Meu nome é Athena Melo, tenho 23 anos,  moro em Natal/RN e sou psicóloga clinica. Trabalho 5 dias na semana, das 07h as 17h. Além disso, tenho que dar conta de especialização, casa, família, namorado e da minha cadelinha. 

Eu nunca tinha tido problemas com meu peso, sempre pesei em torno dos 55kg, tenho 1,62m. Na verdade eu era uma falsa magra! Minha barriguinha me condenava, eu escondia, não sou nada besta! kkkk Nunca fui de fazer atividade física e também nunca liguei para a qualidade da minha alimentação. Meus hábitos eram péssimos, vida sedentária e todas as refeições eram cheias de carboidratos, frituras e muito doce. Eu comia tudo que eu tinha vontade e ainda dizia : "prefiro ser uma gorda feliz do que uma magra triste". 

Atrevida, neh?! 

Na verdade, a gente sempre busca uma desculpa para nos manter como estamos, para não precisar mudar nada. Só que essa minha "vida boa" estava com os dias contados. 

No final de 2012 eu pesei 60kg, depois de um viagem a Europa onde comi de tudo nessa vida! Ainda na viagem, postando minhas fotos no IG, minha mãe me mandou um whats app dizendo: "Pare de comer! Você está ficando enorme! Seu rosto é uma bolacha Traquinas". Kkkkk

 Genten, eu peguei na hora a maquina e fui olhar minhas fotos. Fiquei passada na manteiga da terra com tanta gordura! Minhas bochechas estavam enormes e meu rosto super redondo. Eu estava vestindo 42 e achando lindo! Comecei a entrar em desespero com as fotos. Mandei uma mensagem de resposta: "Mamãe, obrigada! Não estava conseguindo enxergar a minha própria imagem. Assim que chegar em casa, começo uma dieta". 

Eu comecei a sentir o peso da minha escolha de anos, apesar da pouca idade eu estava flácida e com celulite. Era hora de mudar. 

Cheguei em Natal focada em perder esse peso. Quando eu falava que iria emagrecer, ninguém acreditava.  Tudo por conta dos meus hábitos alimentares. Procurei uma nutricionista e me matriculei na academia. 

Quando peguei a dieta e vi que tinha salada, carnes magras, nada de frituras, nada de chocolate... Eu chorei! É muito difícil deixar de lado seus hábitos e substituir por novos. A dieta para mim era um fardo! Mas minha mãe e meu namorado me deram muita força e entraram na dieta comigo.

Eu estava decidida, acho que esse é o grande segredo. Não existe dieta milagrosa e nenhum profissional é mágico? A gente precisa querer, ter certeza e buscar mudar. Sair da zona de conforto sempre é doloroso, até o momento em que descobrimos que também existe prazer além dela.

Eu comecei a tirar fotos do meu corpo toda semana, a ir para a academia todos os dias no mesmo horário do meu irmão (que é marombeiro pesado e total fit for life) e a caminhar todas as noites após o trabalho.  Passei a fazer do meu IG e Facebook um diário, contando meus avanços e fracassos. Isso me ajudou muito a continuar, pois recebi apoio e força dos meus amigos. Criei a hashtag #fuisermagraejavolto para compartilhar o desejo do novo corpo e da vida nova.

Em dois meses de R.A, musculação e aeróbico, consegui perder 7kg. Fiquei com 53kg e apareci no IG da Carol Bufara. A partir de então, conheci muita gente bacana e meu objetivo, que era apenas ficar magra, passou para SER SAUDÁVEL. 

Hoje, tenho novos hábitos. Comer verdura, carne magra e frutas se tornou rotina e uma rotina boa, sabe?! Fazer exercícios físicos é meu vício.  Agora eu sei que existe felicidade em tudo isso! Tenho meus dias de jaca, acho que a regra está no equilíbrio. A gente precisa desfrutar dos prazeres gastronômicos da vida também. 

Hoje eu tenho qualidade de vida. Meu cabelo está mais bonito, minha pele e meu corpo. O que eu quero mais?! Ter saúde para continuar a buscar mais saúde! 

Atualmente estou pesado 50kg. Meu objetivo é chegar aos 55kg. Eu precisava perder muita gordura, culpa do sedentarismo, agora já posso focar no ganho de massa magra. Quero o corpo da Sabrina Sato! Kkkk Não quero nada, neh?! Mas se tem uma coisa que eu aprendi nesses meses... é que a gente pode tudo! Basta querer, ter fé, determinação e foco no objetivo. Isso serve para todos os nossos sonhos! 
Chega de descontar nossa ansiedade, frustrações, medos e até mesmo alegrias na geladeira. Não culpe sua rotina, seja responsável pelas suas escolhas e arque com as vitorias e derrotas. 

Se eu fosse você começaria hoje!"

IG: @athenamelo






Quando eu falo que ela ficou a cara da rhyyyyqueza.... rs

quarta-feira, 15 de maio de 2013

ALGUNS PONTOS IMPORTANTES







Há mais ou menos 2 semanas, um amigo nosso que treina na nossa academia, sofreu um infarto pedalando na Ciclovia da Marginal Pinheiros. Quarenta e oito anos, atleta de alta performance, fez o Race Across America, malha todos os dias, alimentação balanceada. Por sorte - e, segundo os médicos, pela ótima condição física dele - não aconteceu o pior. Ele fez o cateterismo, já saiu do hospital, mas conversando hoje com ele, percebi que fazemos muita coisa errada.

O médico explicou a ele que o motivo do infarto foi over training, poucas horas de sono muito stress. Ele, assim como a maioria de nós, tem seus compromissos, o trabalho é estressante, tem dois filhos, acordava todos os dias as 5 da manhã pra ir pra academia. Brigava quando a avaliação médica dele estava vencida e o barravam na catraca. Tinha feito o último check up há mais de 1 ano, estava "sem tempo"para fazer outro.

Eu não estou dizendo aqui que não devemos acordar cedo pra ir treinar. Muitas pessoas, assim como eu, só tem essa hora pra ir pra academia. Mas, será que não podemos otimizar nosso tempo a noite para dormir mais cedo? Não podemos melhorar nossa qualidade do sono? O que tanto fazemos até meia-noite? Esse episódio com ele me fez pensar numa série de coisas:


  • Eu não faço uso de termogênicos mais. Já usei muuuuita coisa, posso até fazer um post sobre isso, porque sou prova viva. E também tenho uma prova dentro da minha casa, do quanto isso pode fazer mal. O Fábio teve um pico de pressão por causa de um termogênico e desde então, abolimos das nossas vidas. O que ele faz? Te dá uma sensação de "poder" maravilhosa quando você na verdade está morto! Você acorda cansado, de horas mal dormidas, toma um negócio desses e sai pra correr, por exemplo. Se acha o rei da cocada preta porque fez um super treino, quando na verdade isso está mascarado. Nos check ups que faço, o cardiologista sempre pede a dosagem de CPK - que é uma enzima que desempenha um importante papel regulador no metabolismo dos tecidos contráteis. Seu nível elevado pode ser indicativo de lesões na musculatura esquelética ou de infarto agudo do miocárdio ( leia mais sobre a CPK aqui )

  • Horas de sono: antes da Duda nascer, nós acordávamos nesse horário que vocês me vêem acordar todos os dias, mas dormíamos às 22. Claro que nos primeiro 5 meses, em que ela não dormia a noite toda, o sono era um terror. Mas hoje, ela dorme às 20 e acorda às 7. E por que não conseguimos dormir às 22? No máximo às 22:30? Porque ficamos na internet, porque vemos novela, porque às vezes, enrolamos mesmo. Claro que você não pode ser tão xiita, mas dependendo do seu objetivo de treino, você PRECISA dessas horas de sono. Meu treinador esses dias, me mostrou um artigo de um estudo feito com maratonistas como eu, que não são da categoria pro, onde eles avaliaram a imunidade no ciclo de treino e após a maratona onde o esforço é enorme. O nível de imunidade desses atletas pode ser comparado ao de um paciente HIV positivo. Não é pra pensar?!


  • Avaliação cardiológica periódica: gente, isso é uma coisa básica. Eu sempre falo que definitivamente não acredito que um treinador possa iniciar um trabalho com uma pessoa sem, no mínimo pedir esses exames. Isso é o básico. É uma segurança pro treinador e pra quem vai ser treinado! É num exame desses que você descobre se está apto ou não. E olha que mesmo estando apto, dependendo da intensidade, você pode passar por uma dessas que meu amigo passou. Não queira "matar"a recepcionista da sua academia quando seu exame está vencido e ela não te deixa entrar! E não peça um atestado pra um médico conhecido, só porque está com preguiça de ir fazer um check up.

  • Nutricionista: você não precisa gastar milhões com óculos, roupas, relógios pra corrida. Mas precisa saber que um acompanhamento nutricional faz uma super diferença no seu rendimento. Redes Sociais são ótimas pra aprender receitas, pra trocar informações. Mas, não façam delas seu nutri. Quem faz faculdade de Nutrição estuda pra isso! Tem o conhecimento pra te ajudar nos seus objetivos. Você pode ler? Pode. O Google está cheio de informações, mas não ache que o acompanhamento com o nutri é jogar dinheiro fora. Não é. Não tome suplementos sem consultar um. Entrar numa loja e comprar tudo o que vê pela frente ( e sim, já fiz muito isso!), é fácil. Mas o que eles querem é vender. o que é bom pro seu amigo, pode não se adequar a você, pense nisso!

  • Vida saudável é um estilo de vida. O corpo lindo vem como consequência disso tudo. É  um conjunto de persistência, de meeeeeeses de treinamento, de alimentação saudável, de noites bem dormidas. Vida saudável é estar bem consigo mesmo, é ser feliz também. É cuidar inclusive do espírito de alguma forma. De que adianta você ter o corpo mais sarado do Braseww, se não cuida do que tem dentro? Nós não somos só a casca, pelo menos é assim que eu penso! É saber equilibrar todos os campos e, se precisar deixar algum "prato" cair, escolha o menos importante e deixe-o cair, nem que seja por um tempo!

  • Não queira ser o outro. Eu vejo taaaaanto isso nas redes sociais! Você precisa emagrecer? Ok. Mas não faça isso pelo outro, não faça pensando que quer ser como o outro. Tenha inspirações, isso é saudável. Admire quem está melhor que você. Mas deixe que isso vire uma neura. Nós brincamos no Instagram, no Facebook, pra que o caminho seja mais leve! Essa é a intenção! Mas cole uma foto sua gordinho na porta da geladeira, pra você lembrar que não quer mais ser assim. Fazendo isso, você nem percebe, mas sua inspiração maior está sendo você mesmo! E é daí que vem a força maior pra continuar!
Não vale a pena parar pra pensar?

terça-feira, 14 de maio de 2013

CRIOTERAPIA NA CORRIDA






A crioterapia nada mais é do que você literalmente "entrar numa fria".

O nome crioterapia vem do do grego: krios siginifica gelo e therapeia vem de tratamento. A origem é lá de 2500 a.C., quando Hipócrates usava gelo ou neve antes de iniciar uma cirurgia e, mais tarde, quando Dominique Jean Larrey (médico de Napoleão Bonaparte) realizava, em soldados, amputações menos dolorosas em temperaturas abaixo de zero grau. No século XX, a crioterapia começou a ser usada no mundo esportivo.

Depois de "n" lesões que tive, hoje não faço um longo sem fazer a imersão no gelo depois. Durante a semana é muito complicado fazer esse procedimento, então, tenho 4 bolsas de gelo que vão se revezando ao longo do dia na canela em aplicações de 15 a 20 minutos.

Há um tempo atrás, compramos um "baldão", que quando cheio, a água com gelo chega até o joelho. Nós compramos um saco de gelo na volta da corrida, chegamos em casa, colocamos o gelo no balde, completamos com água e colocamos o pé (tem que ter fé! rs). Na primeira vez que fiz, ninguém me avisou que o pé podia queimar haahahaha, então, adivinhem o que aconteceu, néamm? Hoje, toda vez que vou fazer a crio, amarro um saquinho, como está na foto, para eviatar "desastres". Esse sábado, quando postei no Instagram, veio uma dica muito legal da Carla Moreno que é: "permaneça com a meia e enrole o pé com papel filme, que é até mais confortável para os dedos". Essa dica é preciosa, porque vem de uma atleta pro que faz sempre.

Mas por que fazer a crioterapia, quanto tempo o pé deve ficar no balde sem o risco de "necrosar"? kkkkkkk

Segundo o Fisioterapeuta David Homsi , a crioterapia produz anestesia, analgesia, diminui o espasmo muscular, induz ao relaxamento, permite mobilização precoce, incrementa o limite de movimentos, quebra o ciclo dor-espasmo-dor e diminui o metabolismo. 


A temperatura da água utilizada nos banhos de imersão varia de -1C a +5C, durante um tempo de 3 a 10 minutos.

A crioterapia é indicada, ainda de acordo com David, em caso de fraturas consolidadas ou em fase de consolidação, pós- lesões traumáticas como entorses, luxações e subluxações, além de pós-operatórios. Ainda, após atividade física prolongada e de esforço máximo. No meu caso, posso dizer que com os treinos pra Maratona e as distâncias aumentando, não tenho sentido quase nada de dor após os longos de 28 km que fiz esse mês. Isso acontece porque o corpo provoca uma vasodilatação para aquecer a  área submetida à crioterapia. Automaticamente acontece uma limpeza das impurezas do ácido láctico e das microlesões provocadas pelo esforço.

Um fator importante segundo o fisioterapeuta Flavio Baptista, é o aquecimento da película de água que envolve a região afetada após os 5 minutos iniciais da imersão. Por isso, não é colocar o pé e deixá-lo paradinho. Durante o tempo de imersão tem que movimentar a água constantemente. 

Outra coisa importante em relação à temperatura, é que, à medida que o gelo derrete, a temperatura se eleva. Então, o ideal é ir medindo com um termômetro e ir colocando mais gelo para manter a temperatura ideal. 

E por que isso? Porque a crioterapia por imersão,entre outras coisas,beneficia a amplitude de movimentos, diminui a tensão muscular, relaxa, melhora a circulação e promove analgesia.

Sempre lembrando que essas são apenas dicas! Se você tem dor constante procure um especialista. Ele é quem vai poder indicar o melhor tratamento para o seu caso.



"Botinha" de saco plático

"Pé no balde"

Fonte: Reprodução




segunda-feira, 13 de maio de 2013

GENTE COMO A GENTE DAYANE JESUS





A Dayane é uma fofa!!! Sempre recebo alguns emails do pessoal  que mora fora do Brasil, dizendo que é impossível emagrecer, que não dá pra fazer as receitas que colocamos no IG, que tudo é muito caro, que não dá tempo. Esta é mais uma história, que nos mostra que basta apenas querer mudar. Se você tem um fim, um objetivo, vai arrumar o meio de chegar até ele!

"Nome: Dayane Jesus
Idade: 26
Gordura: inicial 28% atual: 20.7%
Altura: 1.63m
Peso inicial +- 67kgs Peso atual: 55kgs

Uma coisa que me incomodou muito desde que eu comecei a viajar foi o ter engordado. Eu mantive meu peso de 50-52 kg dos 15 aos 19 anos. Minha mãe sempre foi NEUROTICA com peso, dieta e essas coisas. Então ela sempre me colocava louca com isso. Eu comia umas coisinhas escondidas aqui e ali e sempre tinha um chocolate escondido na gaveta. Eu era relativamente magra, mas nunca tive aquela barriguinha sequinha.
Quando fui pra Nova Zelândia, fiquei super feliz com a liberdade de poder comer o que eu quisesse: Burger King, Big Mac, muita batata frita e as famosas tortas inglesas que tinha na Nova Zelândia.
Como resultado, eu ganhei 15 kg em 2 anos.
Voltei pro Brasil e minha mãe já tinha visto algumas fotos minhas, ela literalmente me perguntou se eu estava grávida....quase morri.
Consegui perder um pouco de peso por que minha mãe pegava no meu pé. Então eu viajei pra Holanda 9 meses depois com 60kg. Mas na Holanda foi a mesma coisa, e pior, era sagrado comer no Burger King por €2 pelo menos 2 vezes por semana. 
Resultado foi que eu voltei pro Brasil com 67kg depois de um ano na Holanda. Eu havia conhecido meu marido/noivo/namorado, então o peso não me incomodava muito. Porem, lá estava minha mãe dizendo que eu estava gorda e feia. Emagreci 10kgs em três meses e voltei pra Holanda mais magra, só que depois de seis meses lá estava eu com 67kgs novamente em 2010. 
Com essas viagens, o efeito sanfona virou meu amigo. Por falta de vergonha na cara, de motivação e de escolhas erradas na hora de comer.
Posso dizer que 80% das brasileiras que eu conheço aqui, disseram ter ganhado peso depois ter saído do Brasil. E não é pelo sabor da comida, muito pelo contrário, é que  fast foods são bem mais baratas fora do Brasil.  
Em 2011 eu comecei a R.A, comecei academia,  trabalho pesado como camareira e cheguei a 58kg em 4 meses.
Mas com a faculdade e inverno rígido, confesso que deixei essa coisa de peso pra lá mas continuei comendo relativamente bem. Ate que em Abril 2012, quando me pesei eu quase tive um ataque: 64 kg e 28% de gordura e pra piorar, gordura visceral.
Nas ferias da faculdade em Julho de 2012 eu resolvi tomar uma atitude. Baixei vídeos na internet (p90x e 30 day Shred) e comecei a fazer exercício em casa e correr 7km na rua 2 vezes por semana. No final do p90x (90 dias) eu estava com 60 kg, mas a gordura ainda estava alta. Eu queria chegar aos 54kgs.
Quando as aulas recomeçaram eu continuei com os exercícios e boa alimentação. Não dava pra malhar todo dia, então eu não engordei, mas perdi massa magra e fiquei um pouco flácida.
Em dezembro de 2012 eu me matriculei em uma academia e prometi a mim mesma que mesmo se tivesse um milhão de trabalhos pra fazer que eu iria malhar todos os dias (e quando não desse mesmo, eu faria em casa, já que tenho todos equipamentos).
Graças a Deus estou conseguindo e pra falar a verdade fazer atividade física me proporciona balanço e tranquilidade. Sinto-me renovada quando termino meu workout. É a forma que eu encontrei de ter tempo pra mim mesma, organizar meus pensamentos e refletir.
Minha alimentação esta mil vezes melhor que quando comecei a RA. Hoje consumo poucos produtos industrializados, não invisto em biscoitinho ou barrinhas, procuro comer o mais saudável e natural possível. Eu adoro cozinhar, então fico no IG procurando receitas e faço a maioria delas.
Eu nunca como na cantina da faculdade por que já saio de casa com minhas marmitas e não tenho vergonha alguma de comer na rua. Na sala ou no café da faculdade eu abro e como sem problema algum.
Meu marido é atleta, ele joga futebol desde seis anos de idade e tem um metabolismo impecável. Ele gostava muito de besteiras. Mas ele me apoiou muito e acabou aderindo à alimentação saudável, pra quem era viciado em coca cola e doces, é um grande passo. Hoje aqui em casa não tem lactose nem glúten, eu descobri a intolerância a lactose há um tempo atrás e sempre optamos por produtos biológicos.
Ele prova todas as receitas que eu faço e é meu personal na corrida sem contar que me suporta psicologicamente, lembrando onde eu estava e aonde eu cheguei. Às vezes é difícil, eu ainda não uso camiseta por que tenho os ombros largos (de família) mas se tem uma coisa que eu aprendi nessa jornada é fazer boas escolhas, ser paciente e a ouvir meu corpo. Muita gente fica desesperada, para de comer ou quer resultados do dia pra noite. É um processo muito lento e eu acredito que seja mais um processo de autoconhecimento do que estético."
IG:@dayanejesus


Barriga abri/12 e abr/13


P90 x 12 semanas de julho a setembro